Falta pouco para o Natal, e já estou a imaginar toda aquela comida maravilhosa que a minha mãe e a minha sogra fazem e que nos deixam empanturrados o dia todo… para não dizer, a semana toda!!

Há no ar aquela sensação de que não podemos deixar nada por comer… pois tão cedo não vamos comer aquele tipo de doces, por exemplo…

Antes de nos deixarmos cair em tentação em épocas como o Natal, fim de ano, Páscoa… pensem no vosso bem estar.

Eu sei que esta época caracteriza-se por jantares e festejos de mesa farta, onde não faltam muitos doces e fritos natalícios, tente vamos tentar não exagerar, para o bem da nossa saúde e boa forma física. Contra mim falo, pois adoro tudo o que se come no Natal!

 

Como não estragar o corpinho neste Natal

1. Resistam à tentação de aumentar os dias Natalícios e começar uns dias antes a comer doces! As iguarias desta quadra são para os momentos festivos.

2. Há sempre enumeros jantares de Natal… Aproveitem cada ocasião festiva para provar um doce diferente, em vez de comer todos de uma só vez. Se comerem um sonho, uma rabanada, uma fatia de bolo-rei, uma taça de arroz doce e um punhado de frutos secos estarão a ingerir cerca de 1.542 calorias extra num só dia. OH MY GOD!!

3. Façam um plano mensal com os dias festivos e os dias que sobram para seguirem à risca os princípios de uma dieta saudável, sem nunca se esquecerem o quão importante é beber água, não saltar refeições e praticar exercício físico, para equilibrar os excessos.

4. Quando sabem que não vão resistir à tentação da sobremesa , sejam moderados no prato principal e exagerem nos legumes, já que promovem a saciedade.

9. Evitem grandes consumos de bebidas alcoólicas. Lembrem-se que cada grama de álcool representa 7 kcal. Privilegiem a água, o vinho e o champanhe. A graduação de álcool é menor nestas bebidas e, por isso, o ganho calórico é menor também.

5. Evitem grandes consumos de bebidas alcoólicas. Lembrem-se que cada grama de álcool representa 7 kcal. Privilegiem a água, o vinho e o champanhe. A graduação de álcool é menor nestas bebidas e, por isso, o ganho calórico é menor também.

6. Mantenham a tradição da consoada e evitem os pratos alternativos de bacalhau pois são muito mais calóricos. O bacalhau com natas e o bacalhau espiritual são bombinhas calóricas, o nosso bacalhau cozido com azeite e vinagre, acompanhado com couves e legumes é bem mais saudável!

7. Aproveitem o convívio para comer devagar. Pousem os talheres e mastiguem cada alimento cerca de 40 vezes. Parece muito, mas é o tempo necessário para o cérebro perceber que já estão saciados.

8. Introduzam na ementa de Natal alimentos que melhorem o metabolismo e ajudem a queimar calorias como é o caso da canela, do gengibre, da pimenta, do ananás, do abacaxi, da papaia e do chá verde.

9. Na preparação das sobremesas, reduzam o açúcar e a gordura. Usem açúcar amarelo ou mascavado, prefiram a confeção no forno em vez da fritura, substituam o leite gordo pelo magro e as natas por iogurte natural. Fica tudo delicioso na mesma!

10. Evitem longos períodos de jejum prévios às refeições festivas e, antes do almoço ou do jantar, comam uma peça de fruta ou uma sopa para controlar o apetite à mesa. Desta forma não comem tudo o que aparecer à frente!

Boas festas!