Este fim de semana fui fazer pela primeira vez o treino da Iron Brain, no Centro de Comandos da Carregueira.

Um treino muito exigente, físicamente e psicologicamente.

Esperava ansiosamente por esta experiência. Ouvia as histórias do Rubim e de alguns amigos sobre como funcionavam estes treino, e como saíamos diferentes e mais fortes, … isso fascinava-me!

E assim foi, sábado estava marcada a minha primeira experiência.

Posso dizer que o primeiro obstáculo que enfrentei foi a falta de vontade de sair da cama às 5h45 da manhã, para me preparar para estar nos Comandos às 7h. O frio daquela hora também não ajuda a tornar a coisa apetecível… e se pensarmos que vamos estar a “sofrer” durante 3 horas ainda pioramos o estado de espírito.

Cheguei aos Comandos ainda de noite, tive sorte pois a manhã não estava tão fria como o costume, … 9º marcava o meu carro.

Cerca de 40 pessoas, entre homens e mulheres, esperavam as ordens de Diego Sacco e do 2º Sargento Filipe Silva.

No ambiente sentia-se uma mistura de ansiedade, boa disposição e dúvida… “Porque é que me levantei tão cedo para vir sofrer??!” Sim, porque eu não estava ali para brincar, eu fui “sofrer”, fui experimentar um pouco do que é ser Comando, fui testar limites, fui conhecer o meu corpo, fui apanhar frio, muito frio… Mas Fui!!

 

O meu primeiro treino Iron Brain

Superação é a palavra que descreve o meu primeiro treino Iron Brain

O 2º Sargento Filipe Silva e Diego Sacco comandaram o pelotão. Havia gente de todo lado, de norte a sul do país, e quem tivesse feito mais de 3oo km para ali estar.

União de grupo era o lema. Para conseguirmos ultrapassar os obstáculos tínhamos de nos unir e ajudar-mo-nos uns aos outros. Ninguém podia ficar para trás! Se um erra, todos são responsabilizados. Um por todos e todos por um!

Superação é a palavra que descreve o meu primeiro treino Iron Brain

 

Corremos muito, houve uma altura que também eu tive de ser empurrada, porque o pulmão não estava a conseguir acompanhar as pernas. Tinha de dar tudo por tudo, não queria ficar para trás, por isso “aguenta coração e pulmão”, e corre!

Superação é a palavra que descreve o meu primeiro treino Iron Brain Superação é a palavra que descreve o meu primeiro treino Iron Brain

Rebolámos em cima de pedras, silvas e lama, fizemos pistas de obstáculos, ultrapassámos medos e claustrofobias, corremos kilómetros, molhámo-nos, passámos muito frio, mas acima de tudo divertimo-nos muito!

Eu posso afirmar que me diverti! Adorei o grupo, era gente positiva e simpática, que não se queixou, que não refilou, que estava ali para dar tudo e para se tornar ainda melhor e mais forte! Alguns já estavam habituados a este tipo de treinos, outros só mesmo os treinos no ginásio, mas todos de mente aberta para superar os seus medos e os seus limites.

A psicologia do Diego é mostrar que “tudo pode ficar ainda pior”, para que depois, se analisarmos bem, o que pensávamos ser mau afinal nem era, porque tudo podia ficar ainda pior!

Por exemplo: No nosso dia a dia muitas vezes não queremos sair de casa porque está a chover, estes treinos ajudam nos a não sentir a chuva como uma coisa má, pois há tanta coisa pior do que a chuva, o que muda é a forma como encaramos essa acção.

Quando cheguei a casa parecia que me tinha passado um camião por cima.

Estava cansada, pisada, cheia de frio! Mas não conseguia parar de pensar na experiência, na loucura de ordens que recebi, no bom que foi conseguir terminar o treino, de não desistir, de completar as tarefas individuais e de grupo,… mais uma barreira ultrapassada… sinto-me mais forte.

Apetece-me treinar mais, experimentar mais, queixar-me menos, e viver feliz.

Adorei e aconselho o treino Iron Brain – Building Better Brains!

Uma experiência inesquecível!

Superação é a palavra que descreve o meu primeiro treino Iron Brain

Se quiserem ver as fotos todas do treino podem ver aqui – https://goo.gl/ePu2Ff