Neste momento o meu coração está com os Bombeiros deste país e com as vítimas de Pedrogão Grande!

Estou triste… chocada… sem palavras! 62 mortos e 62 feridos e o número ainda pode aumentar…

Impossível imaginar a dor destas pessoas que perderam os seus entes queridos e os seus bens! O meu coração está com elas!

Venho vos apelar à ajuda e deixo-vos algumas informações para que o possam fazer…

Pelo que ouvi hoje, a ajuda aos Bombeiros portugueses com água, fruta, barras energéticas e outros mantimentos tem sido fantástica. Eles estão a conseguir alimentar quem está na linha da frente a combater estes horríveis incêndios.

Mas este tipo de alimentos é sempre necessário enquanto houver incêndios pois a rotatividade é grande e há muita gente para alimentar.

Neste momento pedem também roupas! Mas em bom estado, sem que seja necessário um rastreio por estarem sujas.

 

Onde devem entregar os mantimentos e a roupa para os Bombeiros

Quem estiver na zona pode deslocar-se com a sua ajuda à zona industrial de Pedrógão Grande, ou aos quartéis de bombeiros de Figueiró dos Vinhos, Pedrógão Grande, Castanheira de Pera ou Alvares, no concelho de Góis.

Se está noutro ponto do país, poderá deixá-los em qualquer outro quartel de bombeiros na vossa área de residência.

Para quem estiver em Lisboa, por exemplo, pode entregar nos Bombeiros Voluntários de Lisboa, na Rua das Flores (Largo Barão Quintela):

– Água com gás (muito importante para a hidratação dos bombeiros depois do combate às chamas)
– Água oxigenada
– Compressas
– Ligaduras

Apesar de Jaime Marta Soares, presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, informar que neste momento há água e leite suficientes. Estes alimentos nunca são demais…:

– Águas engarrafadas;
– Barritas energéticas ou bebidas desportivas, como por exemplo, gatorade ou powerade;
– Cereais;
– Sumos;
– Bolachas;
– Enlatados (ou produtos com validade longa)

De modo a evitar o desperdício de bens alimentares, não levem fruta madura, carne, peixe ou produtos com validade curta ou que têm de ser confeccionados.

 

Ajudar as vitimas da tragédia com donativos

A Caixa Geral de Depósitos (CGD) anunciou hoje a abertura de uma conta solidária para as vítimas do incêndio que afecta Pedrógão Grande e outros dois concelhos do distrito de Leiria e a doação de 50 mil euros.

A conta designa-se “Unidos por Pedrógão” e o  IBAN PT50 0035 0001 00100000 330 42.

O banco público anunciou ainda que vai criar “condições diferenciadas para os seus clientes atingidos pela calamidade”.

Também o Millennium BPC abriu uma conta solidária para angariar fundos de apoio para as vítimas dos incêndios.

A conta designa-se “Conta Solidária Incêndio Pedrógão Grande ” e os donativos podem ser feitos usando o IBAN PT50 0033 0000 45507587831 05

Outra é a Conta Solidária NOVO BANCO 0003 40461950 com o IBAN PT50 0007 0000 0034046195023

E Conta Cáritas (Caixa Geral de Depósitos): 0001 200000 730 com o IBAN PT50 0035 0001 00200000 730 54

Linhas solidárias

RTP e SIC abriram linhas solidárias. Ao ligar a chamada reverterá num valor monetário de apoio às vítimas dos incêndios.

RTP – 760 200 600 – 0,60€ + IVA, dos quais 0,50€ do valor da chamada reverte para as vítimas ou através da conta solidária IBAN PT 50 0035 0001 00100000330 42

SIC – 760 100 100 – 0,60€ + IVA, dos quais 0,50€ do valor da chamada reverte para as vítimas

 

Este é o meu Apelo para quem puder ajudar quem neste momento mais precisa…
As minhas condolências às famílias e amigos das vitimas,… muita força e coragem a quem nesta tragédia perdeu tudo e viveu um terror que jamais será esquecido.

Obrigada aos Bombeiros Portugueses e pilotos que corajosamente sobrevoam estes incêndios ajudando a apagar este inferno!

Obrigada à Protecção Civil, GNR e voluntários, que estão a dar e a fazer o seu melhor para minimizar a tristeza e a dor.
Portugal está de luto!